Hoje Tajiquistão se encontra na posição 33° da (LMP 2021), a maior perseguição ocorre com os cristãos que se converteram do islã. Eles são alvo tanto do governo como das comunidades e famílias. Além disso, os cristãos que vivem fora das principais cidades do Tajiquistão são mais propensos a experimentar maior pressão do que os seguidores de Jesus em ambientes urbanos.

A ONE PASSION, viu a necessidade deste país, e fomos desbravar esta terra, e o Espírito Santo abriu portas e oportunidades para que um trabalho fosse implantado, temos obreiros em treinamento no Brasil, ondem eles treinados, e forjados para o trabalho.

Os tipos de perseguição aos cristãos no país são: paranoia ditatorial e opressão islâmica, onde oficiais do governo, partidos políticos, cidadãos e quadrilhas, parentes, líderes de grupos étnicos, líderes religiosos não cristãos, são os que mais oprimem e praticam violência conta nossos irmãos.

Por mais que a lei dê direitos iguais a homens e mulheres, as mulheres não podem escolher a própria religião e são perseguidas quando se convertem ao cristianismo, as mulheres ex-muçulmanas correm o risco de serem presas, espancadas, rejeitadas, assediadas, forçadas ao divórcio ou podem perder a herança. Elas são submetidas a imensa pressão para abandonar a nova fé. Os homens cristãos perdem o emprego e sofrem espancamentos, ameaças, abuso verbal e físico, discriminação, isolamento e pressão da comunidade, às vezes, a comunidade terá como alvo as famílias dos homens para causar pressão adicional. Os homens são os principais provedores, então qualquer perda de emprego afeta toda a família.

Apesar de toda perseguição muito continuam firmes em sua fé crendo na esperança da eternidade ao lado de Jesus. Junte-se a nós em oração por esse povo e também ofertando, para que possamos cada vez mais alcançar mais vidas, e levá-las ao arrependimento e salvação.